O medo do inesperado

 
 
Quem aqui já passou por uma situação inesperada e ao qual não soube lidar? Acho que todos nós ou quase todos, não é mesmo?
 
Quando eu elaborei esse texto fiz no intuito de ajudar e não  desabafar, acontecem muitas situações em nossas vidas que lidar com elas torna-se extremamente difícil, mas tudo na vida tem um por quê - Mas Keylla eu sei que tudo tem um motivo, só que eu não queria que tal situação ocorresse. E a resposta que a Keylla tem pra você é esperar, eu sei que é chato todos falam isso, mas essa Keylla que está escrevendo esse texto já viveu muitas coisas na vida, talvez o meu fardo não seja do tamanho do seu, mas pra mim teve uma proporção bem grande, me feriu, me machucou, essa pessoinha aqui aprendeu. Aprendi a lidar com tudo? A resposta é não, ainda tem coisas que tenho uma extrema necessidade de me desesperar, mas do que adianta não é mesmo? A diferença é que agora tenho buscado formas interessante de lidar com o inesperado, como por exemplo aquela amiga que eu imaginava que fosse minha melhor amiga, mas ficou com o meu namorado, o mundo parece que desmorona sobre nossas costas, mas você sobrevive sabia? Você chora, sofre, se decepciona, mas descobre que você é muito mais que isso, que o ser humano é falho, fazem coisas inconscientemente e até conscientemente o negócio é seguir, não digo ignorar o fato, mas sim se afastar dessa amiga e desse namorado e focar em algo que não te faz mal, como um esporte, um trabalho, sempre priorizando o que de fato te faz feliz enquanto isso você vai esperando a mágoa passar, porque ela vai passar, não no seu tempo, pois infelizmente nunca é no nosso, mas uma hora vai passar, esquecer talvez nunca, mas te ferir isso nunca mais. 
 
Esses dias até postei no meu face uma frase que dizia: "eu aprendi a cruzar os braços e esperar a tempestade passar", sim, as vezes queremos tanto resolver determinado problema, mas nos enfiamos em uma montanheira de outros, o segredo é chorar tudo que tem pra chorar até secar as lágrimas, buscar estar perto das pessoas que nos fazem bem e não se isolar do mundo, tocar a vida mesmo sabendo que tem uma série de problemas envolvidos. Parar no tempo e tentar fazer milhões de coisas para resolver e ter um desgaste emocional muito maior não resolve em nada, a única coisa que resolve um problema isso eu já comprovei é sua força de vontade de tentar sair dele, focando sua mente em elimina-lo de dentro de você.
 
O que me ajuda é lembrar da minha infância, das coisas que conquistei, das pessoas que me elogiaram, do bem que já fiz a muita gente e o mais importante é o meu próprio reconhecimento no que eu sou, no bem que já fiz e faço pra mim, na pessoa que me tornei.
 
E vocês o que tem feito para superar o medo do inesperado?
 
 
Bjs no coração!
 
 
 
 
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada por comentar! Volte sempre!